Breves
Inicio | Sociedade | Praias sem vigilância durante a Páscoa motivam apelo das autoridades à precaução

Praias sem vigilância durante a Páscoa motivam apelo das autoridades à precaução

Foto © Samuel Mendonça

A previsão de bom tempo para as férias escolares da Páscoa está a motivar um aviso para precaução redobrada nas praias, uma vez que a maior parte ainda não está vigiada, explicou à Lusa o capitão do Porto de Faro.

“A época da Páscoa preocupa-me, porque se estiver bom tempo vai haver uma grande afluência de público à praia e não haverá todas as condições normais de segurança que existem durante o verão”, comentou Cortes Lopes.

A portaria que define o período de época balnear nacional ainda não foi publicada e as autoridades estão a basear-se nos períodos habituais, ou seja, na abertura oficial a partir de 01 de maio.

Cortes Lopes disse que, após o início da época balnear, os concessionários têm perto de um mês para colocar os nadadores-salvadores e os meios de socorro nas praias.

As capitanias do Algarve lançaram um apelo a todos os concessionários para terem atenção à segurança nos areais e contratarem nadadores-salvadores neste período.

“Algumas associações de nadadores-salvadores já me contactaram a informar que vão colocar nadadores-salvadores e alguns concessionários também já me disseram que o iriam fazer, mas muitos outros ainda não o fizeram”, explicou o capitão do Porto de Faro.

A Autoridade Marítima Nacional aconselha a população que for à praia a não estar de costas viradas para o mar e a ter atenção quando caminhar na areia molhada, para evitar risco de arrastamento perante um eventual golpe de mar mais severo.

As crianças devem estar sob vigilância permanente e não devem brincar na zona de areia molhada, nem junto à linha de água.

“Tenha especial atenção quando entrar na água, tendo em conta que os perfis de gradiente (declive) das praias ainda não estão suavizados, existindo condições mais favoráveis para se formarem agueiros”, aconselham as autoridades, que avisam ainda que a temperatura do mar ainda é muito baixa e potencia o choque térmico.

Quem não sabe nadar ou quem tiver dúvidas sobre o estado do mar deve evitar entrar na água.

Verifique também

Escola Secundária Pinheiro e Rosa, em Faro, procura bicicletas usadas para recuperar

A Escola Secundária Pinheiro e Rosa, em Faro, está à procura de bicicletas usadas, peças …