Pub

Requalificacao_zona_ribeirinha_quatro_aguas_tavira1A obra de requalificação da zona ribeirinha das Quatro Águas, em Tavira, deverá ser inaugurada no final do próximo ano, anunciou a Sociedade Polis Litoral Ria Formosa, responsável pela intervenção, orçada em 2,3 milhões de euros.

Em comunicado, a Polis Ria Formosa, que hoje consigna a obra em sessão pública, adianta que a intervenção abrange o acesso viário que vai desde a zona para onde está projetado o futuro Porto de Pesca de Tavira até ao cais de embarque das Quatro Águas, utilizado por milhares de pessoas no verão, pois é ali que se faz o embarque para a Ilha de Tavira.

De acordo com a Polis, a intervenção “criará condições para formas alternativas de mobilidade”, nomeadamente a circulação para peões e bicicletas, e “melhorará as condições de amenidade no sítio das Quatro Águas, ao nível da vegetação, pavimentos e equipamentos, passando esta zona a constituir uma área nobre para a população”.

Requalificacao_zona_ribeirinha_quatro_aguas_tavira3“Esta intervenção permitirá a dignificação deste interface privilegiado entre a cidade de Tavira e a Ria Formosa, concretamente no acesso à Ilha de Tavira e no desenvolvimento de atividades náuticas, e permitindo o estabelecimento de uma mais estreita relação dos cidadãos com os valores naturais em presença”, lê-se no comunicado.

A obra é financiada através de capital social da Polis Litoral Ria Formosa (com dinheiro do Estado e da Câmara Municipal de Tavira) e financiamento comunitário, proveniente do Programa Operacional Temático de Valorização do Território (POVT), inserido no Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN).

Além de permitir a devolução desta área aos cidadãos, a requalificação irá promover “uma maior disciplina e ordenamento da circulação e estacionamento automóvel, a par de uma melhoria das condições para a circulação de transportes públicos, dotando o espaço de estruturas adequadas para o embarque e desembarque de passageiros”.

O projeto prevê ainda a instalação de mobiliário urbano e equipamento associado à intervenção, iluminação pública e sinalização informativa, interpretativa e pedagógica.

Requalificacao_zona_ribeirinha_quatro_aguas_tavira2Segundo a Polis, a execução da empreitada, adjudicada à empresa Vibeiras, pelo valor de 2,3 milhões de euros, deverá decorrer até ao final do próximo ano.

O Polis Litoral Ria Formosa, criado em 2008, é um programa integrado de requalificação e valorização da orla costeira.

É uma sociedade anónima de capitais exclusivamente públicos, com a participação maioritária do Estado e minoritária dos municípios de Loulé, Faro, Olhão e Tavira.

Pub