Breves
Inicio | Educação | Vale das Almas acolhe XIII Acampamento Regional do Corpo Nacional de Escutas

Vale das Almas acolhe XIII Acampamento Regional do Corpo Nacional de Escutas

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

Tem início amanhã, dia 3 de setembro, o XIII Acampamento Regional (ACAREG) do Algarve do Corpo Nacional de Escutas (CNE), prolongando-se até ao dia 8 deste mês.

A iniciativa volta a realizar-se no sítio do Vale das Almas, concelho de Faro (local onde decorre anualmente a Concentração Internacional de Motos promovida pelo Moto Clube de Faro) e este ano terá como tema “Lado a Lado És…”, e como imaginário o “Tetris”, um dos primeiros jogos eletrónicos de grande popularidade em todo o mundo.

“Uma peça sozinha não faz qualquer sentido, e nenhuma peça é mais importante que outra, sendo o objetivo do Tetris encaixar, lado a lado, várias peças, de diferentes formas e de diferentes cores, de modo a construir-se uma linha. Pode jogar-se infinitamente, e ninguém perde ou ganha porque não há limite! Também no escutismo, o estar sozinho não faz sentido. Cada um de nós é uma peça importante de uma construção maior, pois só lado a lado fazemos este grande Movimento que é o CNE”, pode ler-se na descrição do imaginário do ACAREG 2019.

O documento acrescenta ainda que os escuteiros, também de “formas diversas”, porque “todos diferentes uns dos outros”, constroem “laços” e realça que, “tal como no Tetris”, têm que “estar atentos” para conseguirem “construir e alcançar” os seus objetivos no escutismo, onde, “tal como no Tetris, ninguém ganha ou perde, porque o que verdadeiramente importa é a Amizade e a União”. “Tal como no Tetris não há limites, porque podemos fazer sempre Mais e Melhor. Aqui, embora diferentes uns dos outros, construímos, lado a lado, um só coração que nos une e que simboliza a nossa amizade, a nossa fé e o nosso amor em Jesus. Lado a lado … vamos construir um Mundo Melhor!”, remata a organização.

O acampamento será constituído por cinco subcampos: Lobitos (escuteiros dos 6 aos 10 anos, pertencentes à I secção do CNE), Exploradores/Moços (escuteiros dos 10 aos 14 anos, respetivamente dos ramos terrestre e marítimo do CNE, pertencentes à II secção), Pioneiros/Marinheiros (escuteiros dos 14 aos 18 anos, respetivamente dos ramos terrestre e marítimo do CNE, pertencentes à III secção), Caminheiros/Companheiros (escuteiros dos 18 aos 22 anos, respetivamente dos ramos terrestre e marítimo do CNE, pertencentes à IV secção) e Bem-Estar (Serviços).

Cada uma das quatro secções (e respetivos subcampos) será acompanhada por uma personagem diferente, criada sob inspiração dos videojogos, que ajudará à concretização do tema do ACAREG numa atitude distinta. As atividades da I secção terão o lobito ‘Izi’ por mascote e visarão a “Alegria”; as da II secção, a estrela ‘Quest’ que apontará à “Aventura”; as da III secção, a gota ‘Guild’ com destino à “Construção” e as da IV secção, a chama ‘Lane’ que inspirará à “Mudança”.

O ACAREG 2019 contará com a participação de quase todo o efetivo do CNE da região algarvia. O movimento, fundado em 1932 no Algarve pelo cónego José Augusto Vieira Falé, conta atualmente com 35 agrupamentos num total de quase 2.400 elementos. O último ACAREG, realizado em 2014 no mesmo local, contou com a participação de 1.200 escuteiros, mas a edição deste ano da maior atividade promovida pela Junta Regional do Algarve do CNE, deverá ultrapassar esse número.

Amanhã pela manhã será feita entrada em campo, à tarde terão lugar as montagens e à noite, pelas 21h30, será realizada a cerimónia de abertura oficial do ACAREG 2019. Ao longo dos dias 4, 5, 6 e 7 decorrerão as atividades por secções e no dia 7, às 21h30, será promovida a Grande Festa, na véspera do encerramento. No dia 8 de setembro, a eucaristia de encerramento será presidida pelas 9h pelo bispo do Algarve, D. Manuel Quintas, e de tarde será feita a conclusão do ACAREG e a saída de campo.

Cartaz

Verifique também

Universidade do Algarve isenta do primeiro ano de propinas alunos com média igual ou superior a 17

A Universidade do Algarve vai isentar de propinas os alunos que tiverem terminado o ensino …

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.