Pub

O Seminário de Faro concebeu uma proposta de vigília de oração para a noite de 30 para 31 de outubro, em que todas as paróquias do Algarve são convidadas a rezar em simultâneo, a partir das 21h, pelas vocações consagradas no âmbito do lausperene que está a decorrer na diocese algarvia.

A sugestão, nascida no contexto do Conselho Presbiteral, “tem como objetivo unir todas as comunidades numa mesma noite de oração, mas também tornar possível a participação de jovens (grupos de jovens, crismandos, movimentos), dos grupos das catequeses e de outros que, por vezes, não conseguem estar presentes no Lausperene, por este passar nalgumas comunidades em dias feriais e a horas diurnas”, explica o Seminário de São José.

“A proposta, baseada no tema e subsídios da CEVM [Comissão Episcopal Vocações e Ministérios], é suscetível de ser adaptada, conforme o que melhor for considerado por cada comunidade; além disso, os cânticos não vão indicados para que cada comunidade escolha o que melhor lhe aprouver, de modo a favorecer a participação de todos”, acrescenta a instituição em circular enviada ao clero, na qual agradece a disponibilidade e das comunidades cristãs para levara cabo o lausperene há 17 anos.

Os materiais (quer os da Comissão Episcopal quer a proposta de Vigília) podem também ser descarregados a partir do site do Seminário em https://seminariodefaro.pt/.

O Lausperene Diocesano, a adoração permanente ao Santíssimo Sacramento que a Diocese do Algarve está a promover durante 15 dias, 24 horas por dia, teve início no último domingo, 24 de outubro, e prolonga-se até dia 6 de novembro. A cadeia de oração é promovida anualmente pelo Seminário de Faro para pedir a Deus vocações de consagração, tanto no sacerdócio, como na vida religiosa ou nos institutos seculares e decorre no âmbito da Semana dos Seminários que se realiza a nível nacional, este ano de 31 de outubro a 7 do próximo mês sob o tema “Para estarem com Ele e para os enviar a proclamar” (Mc 3,14).

Pub