Pub

O furto ocorreu na madrugada de 27 de dezembro, quando desapareceram do parque zoológico, situado próximo da cidade de Lagos, cinco araras, aves exóticas cujo valor no mercado pode ascender a vários milhares de euros, consoante a espécie.

A primeira das aves a ser recuperada foi avistada por um cidadão na zona da Figueira, em Portimão, no dia 31 de dezembro.

O homem contactou o parque, que recolheu a ave a 04 de janeiro.

Nos últimos dias, duas das araras regressaram sozinhas ao zoo e uma regressou hoje, elevando para quatro o número de araras recuperadas.

Os responsáveis do parque acreditam que o facto de o furto ter sido noticiado na comunicação social ajudou a que os autores tivessem desistido da venda dos animais no mercado de contrabando.

Lusa

Pub