Pub

Em cada ano pastoral há sempre renovação nas comunidades religiosas presentes nas diversas dioceses. Neste ano de 2020/2021, na Igreja Católica algarvia quatro novas colaboradoras consagradas que vieram ajudar no trabalho pastoral, sendo que todas já tinham trabalhado no Algarve e uma delas é mesmo natural da região.

Irmã Maria Arminda Faustino
Irmã Maria Arminda Faustino

Para além da irmã Maria Arminda Faustino, responsável pelo Sector da Catequese da Infância e da Adolescência da Diocese do Algarve, já noticiada, regressou também a irmã Aurora Araújo, da congregação das Filhas de Maria Auxiliadora (salesianas), que já tinha estado na diocese entre 1995 e 2007 e entre 2014 e 2016.

Irmã Aurora Araújo

Natural de Infias, no concelho de Vizela, aquela religiosa, desde que saiu no Algarve, passou por Abrantes (3 anos) e Cascais (1 ano), regressando agora para integrar a comunidade salesiana algarvia presente no Colégio de Nossa Senhora do Alto, em Faro. Para além de ajudar na gestão daquela instituição educativa da Diocese do Algarve, a irmã Aurora Araújo colabora ainda na catequese da paróquia de São Pedro de Faro.

Irmã Orlanda Costa

Regressada à Diocese do Algarve está também a Orlanda Costa, do Instituto das Irmãs de Santa Doroteia (doroteias), natural de Odivelas, concelho de Loures, que foi uma das fundadoras da comunidade algarvia das irmãs doroteias em Loulé há 30 anos. Depois de sair do Algarve esteve 14 anos em São Miguel, nos Açores, também na Diocese de Setúbal e na Figueira da Foz. Agora veio de Lisboa, onde esteve no último ano a recuperar de uma intervenção cirúrgica, para colaborar no trabalho que aquelas consagradas desenvolvem nas paróquias de Loulé e na de Querença, confiada agora também ao pároco de Loulé.

Irmã Cristina Silva

A última a regressar foi a irmã Cristina Silva, da congregação das Carmelitas Missionárias, algarvia, natural de Lagoa. A religiosa esteve nos últimos dois anos a trabalhar em El Prat de Llobregat, um município da província de Barcelona, Espanha, num colégio da congregação e também na equipa provincial da Europa de Pastoral Juvenil Vocacional. Integrou a comunidade algarvia daquela congregação em Faro. 

Pub