Pub
Logótipo do projeto Puro Algarve
Logótipo do projeto Puro Algarve

A associação de desenvolvimento local “In Loco” abriu inscrições para uma formação na área do património natural e cultural algarvio que visa capacitar 20 desempregados na área da animação turística, disse à Lusa o responsável da iniciativa.

“Há muito mais que 20 oportunidades de criar trabalho” na área do ecoturismo, explicou à Lusa o responsável do projeto “Puro Algarve”, Artur Gregório, que espera que os 20 formandos possam estar prontos para integrar empresas ou criar as suas próprias empresas até ao próximo pico turístico algarvio.

O curso de 200 horas, criado em parceria com o Instituto de Emprego e Formação Profissional, a Câmara Municipal de Faro e a Universidade do Algarve tem início a 09 de fevereiro no Campus da Penha da Universidade do Algarve.

O curso de formação em utilização sustentável do património surge na sequência do projeto “Puro Algarve” que a In Loco lançou em 2014 e que consiste na articulação e promoção do património natural e cultural da região a partir de uma estratégia regional para o ecoturismo.

Pub