Pub

Bencao_sinos_igreja_almancil (16)
Foto © Samuel Mendonça

O bispo do Algarve presidiu na passada quinta-feira, no âmbito da visita pastoral que realizou à paróquia de Almancil, à bênção de três sinos para a futura igreja paroquial em construção.

“A bênção é sobre os sinos, mas é também sobre nós”, explicou D. Manuel Quintas, que agradeceu a todos os que têm colaborado na construção.

Ontem, na eucaristia de encerramento da visita pastoral, o prelado voltou a referir-se à obra, afirmando que a semana que passou em Almancil permitiu-lhe ver em todos “já uma consolação por esse sonho acalentado há tantos anos”. “Esta visita permitiu-me ver a alegria que tantos de vós sentis por finalmente ver realizado um sonho que já vem de longe. Penso que será um dia muito significativo e sugestivo para toda a diocese e, de maneira particular, para a comunidade de Almancil”, sustentou na igreja de São Lourenço.

Bencao_sinos_igreja_almancil (11)
Foto © Samuel Mendonça

“A colocação dos sinos foi mais um passo que está a ser dado de maneira serena, sem precipitações nesta parte final da construção daquela que será a vossa igreja”, acrescentou, lembrando que “felizmente” na futura igreja “haverá lugar para muita gente”. “Que o serviço que a paróquia presta à comunidade possa também ser usufruído por tantos que agora se sentem impedidos de participar”, prosseguiu, acrescentando que “certamente que, com a inauguração da nova igreja, esta comunidade dará um passo muito significativo e sugestivo no que diz respeito ao crescimento, não apenas em número, mas também em qualidade porque os espaços serão maiores e melhores seja para a acolher as crianças, jovens e adultos que queiram aprofundar a sua fé”.

Também o presidente da Câmara de Loulé se regozijou na quinta-feira com a obra. “Eu também me sinto verdadeiramente parte desta obra. Sinto que é uma grande necessidade, partilho da vossa alegria e estou ansioso por ver o dia em que aqui terá lugar a primeira celebração religiosa”, afirmou Vítor Aleixo, acrescentando que a autarquia “exprime toda a sua vontade e empenho” para que aquela igreja “possa em breve ser inaugurada e ser um factor de coesão e de agregação da comunidade”.

Bencao_sinos_igreja_almancil (15)
Foto © Samuel Mendonça

“De facto, Almancil precisava, como uma das suas maiores necessidades, de ter uma igreja porque os serviços religiosos que aqui irão ser prestados são uma das primeiras necessidades das pessoas. E nesse sentido o município de Loulé não podia, de modo nenhum, ficar distante, alheio. Pelo contrário, quisemos estar ativamente presentes, diligentes, acompanhando de muito perto porque sentimos que só assim o nosso trabalho faz sentido”, complementou.

O pároco de Almancil agradeceu a ajuda da Câmara de Loulé e o cumprimento de uma promessa de apoio assumida pelo anterior executivo. “A Câmara honrou essa promessa de uma forma que muito lhe agradeço. O senhor sabia que isso também ajuda Almancil a crescer”, afirmou o padre Jorge Carvalho.

Bencao_sinos_igreja_almancil (19)
Foto © Samuel Mendonça

O prior adiantou ainda que o salão por debaixo da igreja “poderá ser, eventualmente, emprestada a outros cultos, anglicanos ou outras confissões cristãs para que possa estar ao serviço da comunidade local no caso de haver essa necessidade”.

O padre Jorge Carvalho disse ainda que os sinos, colocados na torre logo após a celebração, tiveram “padrinhos” que contribuíram para a sua aquisição.

Pub