Inicio | Igreja | Bispo do Algarve: “O evangelho só será da família se primeiro for evangelho na família”

Bispo do Algarve: “O evangelho só será da família se primeiro for evangelho na família”

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

Na apresentação do programa pastoral da diocese algarvia para este ano 2019/2020, que tem como tema “Testemunhar o Evangelho da Família”, o bispo do Algarve alertou que “o evangelho só será da família se primeiro for evangelho na família”.

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

D. Manuel Quintas falava na Assembleia Diocesana que voltou a realizar-se no salão da igreja de São Pedro do Mar, em Quarteira, na manhã do passado sábado com a participação de cerca de 250 representantes das paróquias, dos serviços e movimentos da Igreja algarvia.

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

Lembrando que “testemunhar o evangelho da família é o enfoque deste ano”, o prelado destacou que “a caridade é a grande expressão deste testemunho”.

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

O bispo do Algarve deixou ainda um pedido aos membros da Igreja algarvia. “Quando vos assumis como testemunhas qualificadas de Cristo nas vossas paróquias, empenhai-vos para que todos descubram novamente este rosto jovem e belo da Igreja missionária, aberta aos impulsos do Espírito e aos apelos do mundo de hoje, desinstalada, que percorre toda a espécie de caminhos humanos”, apelou, acrescentando que a Igreja “deve ser acolhedora, livre, fiel, pobre de meios, mas rica de amor e de misericórdia”.

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

Na oração da manhã, D. Manuel Quintas começou por ressalvar que na Igreja o “verdadeiro programa pastoral” “é a pessoa de Cristo”. “Se assim não for, as nossas propostas serão marcadas pela exterioridade e aquilo que é o nosso agir será um agir estéril. Parti para este novo ano pastoral com esta certeza: ou fazemos de Cristo o nosso Programa Pastoral e do evangelho a expressão desse programa ou então andamos a perder tempo, a criar insatisfação”, alertou D. Manuel Quintas.

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

Na abertura da assembleia, o prelado voltaria ao tema. “Cristo constitui o princípio inspirador do que somos e também do nosso serviço na Igreja. O anúncio de Cristo e do evangelho constitui, por isso mesmo, o fundamento e o conteúdo essencial de toda a nossa ação pastoral”, completou.

Assembleia Diocesana 2019 da Diocese do Algarve

Verifique também

Cáritas do Algarve celebrou aniversário com eucaristia e almoço de homenagens

A Cáritas Diocesana do Algarve escolheu o passado domingo, em que a Igreja celebrou o …