Pub

“Para que possamos ser apóstolos de Cristo é preciso que alguns de vós aceitem dedicar a vida toda a serem mensageiros de Cristo”, disse D. Manuel Quintas, na homilia da eucaristia da JDJ, em Portimão. “A dificuldade, o esforço, o sacrifício, a doação e o sentido de entrega que tantos dos nossos padres dedicam à nossa Igreja diocesana e às paróquias de que são responsáveis leva-me a dirigir-vos este apelo, como se fosse a própria pessoa de Cristo que estivesse a conversar com cada um de vós”, explicou, tendo presente também o padre Arsénio da Silva, pároco da paróquia de Nossa Senhora do Amparo daquela cidade “que se encontra gravemente doente”.

“E tu, não queres dedicar toda a tua vida a ser apóstolo da alegria e esperança?”, interrogou em nome de Jesus, desafiando os jovens a “responder com sinceridade” e a “pedir ajuda” se se sentirem interpelados. “Se somos todos enviados como mensageiros da alegria, é importante que haja alguns que façam dessa mensagem a sua vocação e missão ao longo de toda a vida”, frisou.

Samuel Mendonça

Pub