Pub

© Samuel Mendonça
© Samuel Mendonça

O bispo do Algarve terminou ontem a sexta visita pastoral deste ano 2013/2014, desta vez à paróquia da Mexilhoeira Grande.

Na manhã de ontem, na eucaristia de encerramento na igreja da Figueira, marcada pela administração do sacramento do Crisma a nove jovens e adultos, D. Manuel Quintas exortou ao surgimento de cristãos “inquietos” e “arejados”, “rejuvenescidos na sua fé pela ação do Espírito [Santo]”, sublinhando a “urgência” que “existe no mundo de cristãos que o sejam não apenas de nome, mas de verdade”.

© Samuel Mendonça
© Samuel Mendonça

O prelado, que apelou ao reavivamento dos dons do batismo e do Espírito Santo recebidos, pediu que os cristãos cresçam mais na “identificação com Cristo” e no testemunho da sua pessoa e do Evangelho. “Isto só é possível se dermos lugar e espaço ao Espírito Santo na nossa vida. Quanto mais cada um de nós deixar que o Espírito trabalhe, nos rejuvenesça e nos volte uns para os outros para vivermos com os outros e aos serviço uns dos outros, mais viva é a nossa fé, mais viva e rica é a nossa comunidade e mais dinamismo encontra no testemunho e no anúncio do evangelho”, disse.

© Samuel Mendonça
© Samuel Mendonça

D. Manuel Quintas, que agradeceu pelo modo como foi acolhido, deixou ainda uma palavra de “gratidão e estímulo” a todos aqueles que foram para si “testemunho de adesão à Igreja e à comunidade paroquial e colaboram aos mais diferentes níveis com o pároco”. “Quero dar graças ao Senhor pela fé que convosco celebrei, pelo estímulo que de vós recebi, pela doação que presenciei, seja do vosso pároco, seja de tantos leigos que a ele associados procuram revitalizar a fé através do anúncio da palavra e do testemunho dessa mesma palavra e, particularmente, pelo serviço aos mais carenciados pela obra do Centro Paroquial que acolhe crianças e idosos e procura ser uma presença humana e cristã junto daqueles que têm necessidade dessa presença”, afirmou.

© Samuel Mendonça
© Samuel Mendonça

Do programa da visita, que teve início no passado dia 9 deste mês, fizeram parte encontros com os Conselhos Paroquiais, pastoral e económico, com a direção, conselho fiscal e responsáveis do Centro Paroquial, bem como com os funcionários e voluntários daquela instituição, com os catequistas, leitores, acólitos, ministros da comunhão e das exéquias, com crianças e catequistas, com os crismandos e padrinhos, com adolescentes e jovens, com os alunos da disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica, com grupos de oração, liturgia, mensageiros e festas.

© Samuel Mendonça
© Samuel Mendonça

O prelado visitou ainda doentes, a creche e aos jardins de infância, a CRACEP – Cooperação de Reeducação e Apoio à Criança Excecional de Portimão e a Junta de Freguesia.

© Samuel Mendonça
© Samuel Mendonça

Neste ano pastoral de 2013/2014, D. Manuel Quintas visitará ainda a paróquia de Monchique, de 30 de março a 6 de abril.

© Samuel Mendonça
© Samuel Mendonça

O Código de Direito Canónico estabelece que os bispos têm a obrigação de visitar toda a diocese ao menos a cada cinco anos, podendo, em caso de necessidade, delegar essa tarefa no prelado coadjutor ou auxiliar, ou ainda num padre.

Pub