Inicio | DA | Bispo do Algarve visitou Estômbar, Mexilhoeira da Carregação e Parchal

Bispo do Algarve visitou Estômbar, Mexilhoeira da Carregação e Parchal

visita_pastoral_estombar_mexilhoeira_carregacao_parchal-11
© Samuel Mendonça

O bispo do Algarve terminou no último fim de semana a visita pastoral à paróquia de Estômbar e aos vicariatos da Mexilhoeira da Carregação e do Parchal, no concelho de Lagoa, iniciada no passado dia 20 deste mês.

“As visitas pastorais são sempre um dom para mim, fortalecem-me na fé e também na minha missão de bispo de dar ânimo às comunidades”, afirmou D. Manuel Quintas no sábado ao final da tarde no Parchal, na eucaristia de encerramento da visita, a primeira das sete que realizará neste ano pastoral de 2013/2014.

Também no dia seguinte, na Mexilhoeira da Carregação e em Estômbar, o prelado considerou que aquelas iniciativas lhe permitem inserir-se no “ritmo próprio de celebração e de testemunho da fé” das comunidades paroquiais que visita e sentir-se “mais próximo” de toda a Igreja diocesana. “As visitas pastorais e esta proximidade do bispo junto de vós, quer significar esta realidade: somos membros da mesma família, por isso não devemos ser estranhos uns para os outros”, frisou.

“Esta semana recebi tanto bem de vocês… O facto de vos conhecer, contatar com diferentes grupos e com aquelas pessoas servem a comunidade, que apoiam o vosso pároco, isso, a mim, faz-me muito bem. Este conhecimento faz-nos sentir mais Igreja de Cristo”, disse no Parchal, considerando que a semana foi “muito enriquecedora” nas três comunidades entregues aos cuidados do padre Domingos Fernandes.

O bispo do Algarve constatou ainda uma evolução desde a última visita pastoral, realizada em fevereiro de 2006. “Olhando até para a realidade exterior, vejo como houve progressos”, afirmou na Mexilhoeira da Carregação, aludindo ainda a uma “caminhada interior” e “adesão interior com um sentido de maior consciência de pertença na Igreja” e salientando a “vitalidade” daquela comunidade.

Em Estômbar congratulou-se com a “tradição cristã tão secular” da paróquia e incentivou a “progredir neste caminho de comunidade paroquial (…) com o mesmo entusiasmo, dedicação e muito mais” e, no Parchal, agradeceu “por todo o trabalho” que o pároco tem desenvolvido com a colaboração dos paroquianos. “Estou certo que vai continuar, cada vez, de maneira mais consciente, corresponsável, madura e entusiasta”, complementou.

D. Manuel Quintas agradeceu ainda o acolhimento, garantindo que se sentiu “verdadeiramente em família e em casa”, e, para além do pároco, representantes das três comunidades também agradeceram a visita.

Ao longo da semana, o prelado visitou o Centro Paroquial, os jardins de infância e as escolas, a Junta de Freguesia e a Santa Casa da Misericórdia.

O bispo do Algarve encontrou-se ainda com as crianças, adolescentes e jovens das catequeses, com os membros de movimentos e agentes dos diversos serviços paroquiais, com destaque para os Conselhos Pastorais e para os Conselhos Económicos.

Ao longo do presente ano pastoral, D. Manuel Quintas visitará ainda a paróquia de Ferragudo, de 3 a 10 de novembro, as paróquias da cidade de Portimão, de 1 a 15 de dezembro, a paróquia de Alvor, de 5 a 12 de janeiro, a paróquia de Lagoa, de 19 a 26 de janeiro, a paróquia da Mexilhoeira Grande, de 9 a 16 de fevereiro, e a paróquia de Monchique, de 30 de março a 6 de abril.

Vicariato é uma cir­cunscrição eclesiástica ainda não cons­tituída em paróquia.

O bispo do Algarve terminou no último fim de semana a visita pastoral à paróquia de Estômbar e aos vicariatos da Mexilhoeira da Carregação e do Parchal, no concelho de Lagoa, iniciada no passado dia 20 deste mês.

 

“As visitas pastorais são sempre um dom para mim, fortalecem-me na fé e também na minha missão de bispo de dar ânimo às comunidades”, afirmou D. Manuel Quintas no sábado ao final da tarde no Parchal, na eucaristia de encerramento da visita, a primeira das sete que realizará neste ano pastoral de 2013/2014.

 

Também no dia seguinte, na Mexilhoeira da Carregação e em Estômbar, o prelado considerou que aquelas iniciativas lhe permitem inserir-se no “ritmo próprio de celebração e de testemunho da fé” das comunidades paroquiais que visita e sentir-se “mais próximo” de toda a Igreja diocesana. “As visitas pastorais e esta proximidade do bispo junto de vós, quer significar esta realidade: somos membros da mesma família, por isso não devemos ser estranhos uns para os outros”, frisou.

 

“Esta semana recebi tanto bem de vocês… O facto de vos conhecer, contatar com diferentes grupos e com aquelas pessoas servem a comunidade, que apoiam o vosso pároco, isso, a mim, faz-me muito bem. Este conhecimento faz-nos sentir mais Igreja de Cristo”, disse no Parchal, considerando que a semana foi “muito enriquecedora” nas três comunidades entregues aos cuidados do padre Domingos Fernandes.

 

O bispo do Algarve constatou ainda uma evolução desde a última visita pastoral, realizada em fevereiro de 2006. “Olhando até para a realidade exterior, vejo como houve progressos”, afirmou na Mexilhoeira da Carregação, aludindo ainda a uma “caminhada interior” e “adesão interior com um sentido de maior consciência de pertença na Igreja” e salientando a “vitalidade” daquela comunidade.

 

Em Estômbar congratulou-se com a “tradição cristã tão secular” da paróquia e incentivou a “progredir neste caminho de comunidade paroquial (…) com o mesmo entusiasmo, dedicação e muito mais” e, no Parchal, agradeceu “por todo o trabalho” que o pároco tem desenvolvido com a colaboração dos paroquianos. “Estou certo que vai continuar, cada vez, de maneira mais consciente, corresponsável, madura e entusiasta”, complementou.

 

D. Manuel Quintas agradeceu ainda o acolhimento, garantindo que se sentiu “verdadeiramente em família e em casa”, e, para além do pároco, representantes das três comunidades também agradeceram a visita.

Ao longo da semana, o prelado visitou o Centro Paroquial, os jardins de infância e as escolas, a Junta de Freguesia e a Santa Casa da Misericórdia.

O bispo do Algarve encontrou-se ainda com as crianças, adolescentes e jovens das catequeses, com os membros de movimentos e agentes dos diversos serviços paroquiais, com destaque para os Conselhos Pastorais e para os Conselhos Económicos.

Ao longo do presente ano pastoral, D. Manuel Quintas visitará ainda a paróquia de Ferragudo, de 3 a 10 de novembro, as paróquias da cidade de Portimão, de 1 a 15 de dezembro, a paróquia de Alvor, de 5 a 12 de janeiro, a paróquia de Lagoa, de 19 a 26 de janeiro, a paróquia da Mexilhoeira Grande, de 9 a 16 de fevereiro, e a paróquia de Monchique, de 30 de março a 6 de abril.

Vicariato é uma cir­cunscrição eclesiástica ainda não cons­tituída em paróquia.

Verifique também

Paróquia das Ferreiras acolhe Oficina de Oração e Vida

A paróquia das Ferreiras está a acolher uma Oficina de Oração (TOV) e Vida desde …