Pub

Na primeira primeira reunião após as inundações, o Conselho Permanente da Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) "manifesta a sua profunda solidariedade com as pessoas que sofreram as suas consequências". Numa nota divulgada pelo Secretário da CEP, Pe. Manuel Morujão, refere-se que o episcopado português "encomenda a Deus o descanso eterno das vítimas mortais e pede a graça da consolação e da esperança para os seus familiares".

Em relação ao futuro, os votos são de "ânimo" na reconstrução e generosidade na partilha de bens. "Para todos implora ao Senhor da Vida grande ânimo para a reconstrução e exorta à generosa partilha de bens, nomeadamente através da Cáritas Nacional e da Madeira", refere o Conselho Permanente da CEP.

Ecclesia

Pub