Pub

Em declarações à Lusa, a relações públicas da Ikea, Ana Teresa, explicou que o contrato de cooperação que vai ser assinado na próxima semana em Loulé "serve no fundo para confirmar a intenção da cadeia sueca em realizar o projeto no Algarve até 2015 e que se encontrou o como para avançar com o projeto" e "continuar a levar a marca a mais portugueses".

A Câmara Municipal de Loulé, a IKEA Portugal e a Inter IKEA Centre Group vão realizar dia 02 de dezembro, pelas 11:00, nos Paços do Concelho em Loulé, a assinatura do contrato de cooperação entre as referidas entidades, que permitirá a realização do projecto comercial que compreende uma loja IKEA, assim como um Centro Comercial e um Retail Park”.

Em dezembro passado, a cadeia sueca IKEA tinha declarado que pretendia abrir uma loja e um centro comercial Inter IKEA em Loulé, com um investimento a rondar os 200 milhões de euros e a criação de três mil postos de trabalho direto e indireto.

Em março deste ano, e em entrevista à Lusa, o responsável pela expansão do IKEA em Portugal, António Machado, veio confirmar a intenção de construir a loja no Algarve até 2015 e que a sua localização seria "junto ao nó Loulé/Faro".

Hoje, a cadeia sueca vem anunciar que na próxima quinta-feira, 02 de dezembro, vai decorrer uma cerimónia em Loulé para assinar um “contrato de cooperação”, que conta com a presença do autarca de Loulé, Seruca Emídio, da Country Manager IKEA Portugal, Kristina Johansson e do Managing Director for Southern Europe Inter IKEA Center Group, Richard Vathaire.

O autarca de Loulé, Seruca Emídio, adiantou à Lusa, no início deste ano, que a cadeia sueca havia já adquirido cerca de uma dezena de terrenos a privados com uma área total que deverá rondar os 40 hectares.

A área de construção do projecto terá cerca de 120 mil metros quadrados e o grupo sueco já adquiriu 40 hectares de terreno no concelho de Loulé para instalar a loja e o centro comercial, que oferecerá várias experiências como divertimento, restauração, cinema, acrescentou o responsável.

Também em Loulé, mas no eixo Loulé/Quarteira, está equacionado um projecto da Auchan, denominado "Alegro Algarve", representando um investimento de 400 milhões de investimento e quatro mil postos de trabalho directo numa área total de 40 hectares.

O plano de expansão do Grupo Ikea para Portugal prevê um investimento de mais de 660 milhões de euros através da instalação de sete lojas – três na região da Grande Lisboa, duas na região do Grande Porto, uma na zona sul e outra a centro -, dois centros comerciais Inter IKEA Centre Group e três fábricas Swedwood Group, em Paços de Ferreira.

Folha do Domingo/Lusa
Pub