Pub

Com o movimento gerado por esta nova atividade, o Instituto Portuário e dos Transportes Marítimos (IPTM) estima que o tráfego no cais passe dos atuais doze a 14 navios para 52 navios por ano, adianta o comunicado.

A exportação de cimento produzido pela fábrica da Cimpor em Loulé, junta-se à de sal marinho para consumo humano, sal-gema industrial e alfarroba, além de gás propano e butano, materiais que também eram exportados esporadicamente a partir do cais de Faro.

Em 2010, o porto de Faro movimentou cerca de 12.500 toneladas de mercadorias mas com esta nova operação a quantidade deve subir para 150 mil toneladas por ano, conclui a autarquia.

Lusa

Pub