Pub

Rogério Bacalhau, presidente da Câmara de Faro • Foto © Samuel Mendonça
Rogério Bacalhau, presidente da Câmara de Faro • Foto © Samuel Mendonça

A Câmara de Faro anunciou que pela primeira vez desde 2010 tem dinheiro para investir, estando em causa uma revisão do orçamento para 2016 com a incorporação do saldo de gerência do ano passado no valor de 4,3 milhões de euros.

Neste contexto, o presidente da autarquia anunciou a semana passada uma série de novos projetos de investimento na melhoria da rede viária e equipamentos públicos, bem como a recuperação do parque escolar e desportivo e o apoio ao comércio local, ao associativismo e às juntas de freguesia.

“Pela primeira vez em muitos anos temos condições para fazer este tipo de investimentos”, disse Rogério Bacalhau (eleito pelo PSD) num encontro com jornalistas, acrescentando esperar que a revisão orçamental venha a ser aprovada nas próximas semanas pela Direção-geral das Autarquias Locais e pela Assembleia Municipal.

“Acho que esta revisão do orçamento municipal tem todas as condições para ser aprovada. O que estamos a fazer é a trabalhar à medida das nossas capacidades”, afirmou Rogério Bacalhau.

O presidente da autarquia explicou que este investimento só é possível porque em 2015 a dívida do município foi a mais baixa dos últimos 10 anos, o que permitiu transitar para 2016 um saldo de gerência de operações orçamentais que totaliza mais de 5,4 milhões de euros.

“Isto é fruto de seis anos de trabalho, que inclui também o esforço iniciado em 2010 pelo engenheiro Macário Correia” (também do PSD), disse Rogério Bacalhau.

De acordo com números apresentados, a dívida total do município baixou de 71, 7 milhões de euros em 2010 para 43,8 em 2015.

O presidente da Câmara de Faro assegurou que este conjunto de investimentos não tem nada a ver com a realização de eleições autárquicas em 2017, às quais se vai apresentar como candidato. “Eu não estou a trabalhar para as eleições autárquicas hoje. Estou a trabalhar desde que cá cheguei. Não estou a fazer isto por motivos eleitoralistas”, disse Rogério Bacalhau.

Dos 4,3 milhões de euros anunciados, a maior parcela (2 milhões) destina-se ao ‘Faro Requalifica 2’ que “permitirá continuar a melhorar as condições de recuperação e conforto em algumas das artérias da cidade e das freguesias”.

A reabilitação e arranjos na Avenida 5 de Outubro, repavimentação da Estrada de São Luís e de ruas em Gambelas e Montenegro e a reparação da Fonte do Largo do Pé da Cruz são alguns dos investimentos que vão ser feitos nesta área.

A recuperação de infraestruturas e equipamentos públicos fica com uma fatia de 1,65 milhões de euros, onde a prioridade será o investimento no parque escolar.

Está previsto a contratação de 45 pessoas para as escolas do município e aquisição de viaturas para transporte escolar, a recuperação dos 40 parques infantis do concelho, a contratação de uma empresa de manutenção (em outsourcing) de espaços verdes, entre outras intervenções.

O apoio ao comércio tradicional será de 250 mil euros que prevê, entre outras coisas, a animação de verão e o regresso à iluminação e programa festivo para o Natal e passagem do ano.

Um programa de apoio ao associativismo vai contar com 600 mil euros (280 mil para os clubes, 150 mil para as associações culturais, 150 mil para as associações sociais e 20 mil para a juventude) e as juntas de freguesia irão receber 240 mil euros (60 mil cada).

A proposta de revisão do orçamento municipal está a ser discutido esta tarde em reunião de câmara.

com Lusa

 

Intervenções previstas:

  • Repavimentação da Av. Cidade de Hayward;

  • Reabilitação e arranjos na Av. 5 de Outubro;

  • Execução de troço na Rua Féria Pavão e repavimentação da Rua emissor Regional do Sul;

  • Repavimentação da Estrada de S. Luís;

  • Repavimentação da Travessa Ivens;

  • Repavimentação da Travessa das Flores;

  • Repavimentação da Av. Dr. Gordinho Moreira (EN125) e requalificação da Rotunda do Teatro das Figuras;

  • Repavimentação de ruas no Alto Rodes;

  • Repavimentação da Urbanização da Galvana;

  • Repavimentação da Estrada da Senhora da Saúde e Rua António Belchior Jr.;

  • Repavimentação do Largo do Sol Posto, Rua Baptista Lopes, Rua do Sol, Rua da Conceição e Travessa da Conceição;

  • Repavimentação da Rua do Moinho, Patacão;

  • Repavimentação de ruas em Gambelas e Montenegro;

  • Pavimentação da Rua da Igreja (Montenegro);

  • Repavimentação da estrada dos Gorjões (Santa Bárbara de Nexe);

  • Repavimentação de arruamentos em Estoi (Conceição e Estoi);

  • Repavimentação da EM520-4 (Bela Salema) e Urb. de Mata Lobos;

  • Requalificação do Cemitério da Esperança e edificação de mais gavetões;

  • Reparação da Fonte do Largo do Pé da Cruz;

  • Requalificação do Bairro dos Centenários

  • Arranjo Urbanístico na Penha – Praceta Aleixo da Cunha.

  • Remodelação e ampliação do parque escolar;

  • Pintura do Pavilhão Desportivo da EB 2,3 Dr. Emiliano da Costa;

  • Recuperação dos parques infantis do concelho;

  • Remodelação das Piscinas Municipais;

  • Apetrechamento do Centro Náutico;

  • Arrelvamento do campo da Pista de Atletismo;

  • Arrelvamento campo da Horta da Areia;

  • Contratação de manutenção de jardins e espaços verdes;

  • Aquisição de viaturas para transporte escolar;

  • Aquisição de viatura para os Bombeiros Sapadores;

  • Reforço do pessoal para as escolas;

  • Intervenções de requalificação no Teatro Lethes, Teatro das Figuras e Museu Municipal;

Pub