Breves
Inicio | Economia | Câmara de Vila do Bispo aprova orçamento de 14,8 milhões de euros para 2019

Câmara de Vila do Bispo aprova orçamento de 14,8 milhões de euros para 2019

A Câmara de Vila do Bispo aprovou um orçamento para 2019 no valor de 14,8 milhões de euros, mais 350 mil euros do que este ano, dando prioridade aos apoios sociais e investimento, foi anunciado na sexta-feira.

O orçamento e as Grandes Opções do Plano (GOP) para 2019 do município de Vila do Bispo, presidido por Adelino Soares (PS), foram aprovados, por maioria, em reunião de câmara, com os votos a favor dos quatro eleitos pelo PS e o voto contra do vereador da coligação PPD/PSD/CDS-PP/MPT/PPM.

De acordo com os números avançados pela autarquia, para o próximo ano, está orçamentada uma verba de cerca de 1,7 milhões de euros para um conjunto de investimentos, como um equipamento para atividades culturais nos antigos celeiros, a elaboração do projeto técnico para a Praça da República e requalificação do mercado de Sagres.

Para as funções sociais, estão destinados cerca de dois milhões de euros, onde se incluem os investimentos para os projetos para a construção de habitação social, bem como a dinamização dos loteamentos municipais nas freguesias de Barão de S. Miguel e de Sagres.

O plano prevê ainda a aquisição de terrenos para a construção de habitação social e “o montante das demolições no loteamento das Esparreguerias, em Sagres, que, por decisão do tribunal, terão que ser demolidas e possivelmente pagas as indemnizações ao proprietário das habitações”.

Segundo a autarquia, a manutenção, reparação e adaptação de edifícios municipais a pessoas com mobilidade reduzida, com uma dotação de 300 mil euros, “é uma das rubricas que consome grande parte do valor atribuído à área relacionada com as instalações de serviços”.

Para o ordenamento do território, o plano prevê ações relacionadas com o planeamento urbanístico, estando dotado com um montante global de 243 mil euros.

No mapa das Grandes Opções do Plano para o próximo ano, a Câmara de Vila do Bispo tem ainda previstas intervenções de manutenção e conservação da rede viária, pavimentação de ruas, execução de passeios e de passadeiras para peões em vias e arruamentos, bem como a construção da Ecovia e Ciclovia, com uma dotação de 250 mil euros para o próximo ano e 1,2 milhões de euros para 2020, estando o financiamento garantido através do FEDER e do Turismo de Portugal.

O orçamento e as GOP do município para 2019 vão ser sujeitos à aprovação na próxima reunião da Assembleia Municipal, onde o PS também detém a maioria.

Verifique também

ACRAL lamenta falta de estratégia conjunta de promoção do comércio

O presidente da Associação de Comércio e Serviços da Região do Algarve (ACRAL) alertou no …

Deixe uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.