Pub

Além de assinalar as efemérides, a autarquia pretende também “consciencializar a população para a importância de zelar pelos recursos naturais” e contribuir para que a comunidade seja “sustentável” e observe “boas práticas de uso dos recursos”.

“Destaca-se, em particular, uma grande operação que compreende a plantação de 1.000 árvores, oferecidas pela Fundação Floresta Unida, que serão disseminadas pelas 25 Escolas do concelho, Mata do Liceu, Jardim da Alameda e áreas em que se regista uma crónica escassez de elementos naturais desqualificando a paisagem urbana e prejudicando a qualidade de vida dos cidadãos”, precisou a câmara algarvia.

Lusa

Pub