Breves
Inicio | Sociedade | Cáritas do Algarve responsável por coordenar acolhimento aos refugiados na diocese

Cáritas do Algarve responsável por coordenar acolhimento aos refugiados na diocese

Foto © EPA/Zoltan Balogh
Foto © EPA/Zoltan Balogh

A Igreja Católica do Algarve decidiu atribuir à Cáritas Diocesana a coordenação do trabalho relacionado com o acolhimento de refugiados.

Recorde-se que o bispo do Algarve tinha pedido no início do mês passado aos responsáveis pelos organismos da Pastoral Social da diocese que encontrassem “caminhos de resposta” para o “acolhimento e apoio aos refugiados”.

D. Manuel Quintas destacava a necessidade de se procurarem soluções para um “problema que a todos sensibiliza” e o prelado lembrava ao clero que a resposta da Igreja algarvia não poderia ser dada isoladamente por cada paróquia ou IPSS da diocese, mas “sempre conjugada com outras instituições”.

A Pastoral Social da diocese algarvia é composta pelo Departamento Diocesano da Pastoral Social, pelo Secretariado Diocesano da Pastoral Sociocaritativa, pela Cáritas Diocesana do Algarve, pelo Secretariado Diocesano da Mobilidade Humana e pelo Sector Diocesano das Migrações e Comunidades Étnicas, cujos responsáveis se reuniram na semana passada para analisar a questão dos refugiados.

Numa informação enviada ao Folha do Domingo, o bispo do Algarve explica que a coordenação da Cáritas Diocesana do Algarve será exercida “em ligação com a plataforma nacional criada para o efeito”, apresentada em Lisboa no dia 4 de setembro passado.

Verifique também

Fogo em Tavira obriga a cortar Via do Infante, mas trânsito já reabriu

Um incêndio florestal deflagrou hoje na zona da Eira da Palma, em Tavira, no Algarve, …