Pub

Centenario_freguesia_quarteiraO centenário da freguesia de Quarteira vai ser assinalado com um ano de atividades e eventos envolvendo a comunidade, para dar a conhecer a história daquela zona litoral algarvia, disse à agência Lusa o presidente da Junta local.

Apontando que muitas das decisões do passado refletem o que a freguesia é hoje, o presidente da Junta de Quarteira, Telmo Pinto, destacou a importância de promover uma reflexão entre a comunidade sobre o futuro local.

Até 12 de abril de 2017, vão ser promovidas atividades como laboratórios de memória, momentos de partilha da história da freguesia através de fotografias, sinergias entre músicos de fora com artistas locais e arte urbana com os artistas da terra.

As escolas da freguesia vão estar envolvidas em atividades como “Ser presidente da Junta por um dia” e um concurso de ideias ao nível do urbanismo intitulado “Quarteira em 2027”.

Durante a apresentação do programa comemorativo, o presidente da Câmara Municipal de Loulé, Vitor Aleixo, sublinhou que a freguesia de Quarteira, fundada a 13 de abril de 1916, é muito mais do que a sua atividade turística realizada, uma freguesia que importa dar a conhecer.

“Há um bocado a noção de que Quarteira não tem identidade. Não é verdade”, disse Vitor Aleixo, recordando que o espólio arqueológico que prova que aquela zona atrai povos há mais de dois mil anos e que antes do turismo havia uma intensa atividade ligada à pesca, à agricultura e à indústria.

Tendo em mente o tema “da história à contemporaneidade – construindo o território e religando pessoas”, os responsáveis pretendem, ainda, recordar e homenagear os executivos municipais que exerceram funções desde 1916, promover conferências sobre o poder local e editar livros sobre a freguesia.

O programa termina na noite de 12 para 13 de abril de 2017, com um trabalho de projeção de vídeo em fachadas de edifícios e estátuas sobre a história de Quarteira.

Fundada em 1916, a freguesia de Quarteira, localizada no concelho de Loulé, tem uma área total de 38,16 quilómetros quadrados, que inclui a zona de Vilamoura, e mais de 25 mil habitantes residentes.

Pub