Pub

Cerca de 300 alunos dos 7º e 8º anos de escolaridade de várias escolas do Algarve comemoraram ontem, em Tavira, o Dia da Disciplina de Educação Moral e Religiosa Católica (EMRC), uma iniciativa que já tinha sido realizada para os alunos dos 5º e 6º anos e para os estudantes do 9º ano e do Secundário, num total de cerca de 1000 participantes.

O encontro de ontem, tal como o do segundo ciclo, realizado no dia 24 de abril, teve lugar no Parque de Feiras sob o tema “Encontro muitas razões para conviver”, enquanto o dos estudantes 9º ano e do secundário, sob o tema “Encontro muitas razões para crer”, realizou-se no dia 2 de março, em Ferragudo, no Centro Pastoral e Social da Diocese do Algarve.

A diretora do Secretariado da Pastoral Escolar da Diocese do Algarve, Edite Azinheira, explicou ao FOLHA DO DOMINGO que estas iniciativas visaram, uma vez mais, a “sensibilização e valorização da disciplina”, bem como a “promoção das relações interpessoais” entre alunos e entre professores, para além do “convívio” e do “divertimento”.

A jornada de ontem, tal como a de dia 24 de abril com a participação de cerca de 550 alunos, cumpriu-se com diversas atividades lúdicas e desportivas, como a realização de karaoke, dança e de jogos tradicionais e outros com insufláveis.

No encontro do 9º ano e Secundário, os cerca de 130 participantes, viram o filme “A Vida de Pi”, consagrado este ano com quatro Óscares e que conta a história de uma família de um dono de um zoológico localizado em Pondicherry, na Índia, que se decide mudar para o Canadá, viajando a bordo de um imenso cargueiro que naufraga. Os alunos expressaram depois, através de ateliês de pintura, teatro, música e poesia, a mensagem que tinham extraído do filme.

Samuel Mendonça

Pub