Inicio | Economia | Comércio tradicional da baixa de Faro com boas expetativas para o Natal

Comércio tradicional da baixa de Faro com boas expetativas para o Natal

Os empresários do comércio local da Baixa de Faro acreditam que este ano a época natalícia vai ser positiva relativamente ao volume de negócios, repetindo a tendência de 2017, disseram à Lusa dirigentes associativos do setor.

O presidente da Associação de Comércio e Serviços da Região do Algarve (ACRAL), Álvaro Viegas, referiu que “tudo aponta para que o Natal de 2018, em termos de vendas, não seja inferior ao ano transato e se for igual já será positivo para o comércio”.

A mesma fonte frisou que a abertura de mais um complexo comercial na região, inaugurado há um ano, entre Faro e Loulé, não parece ter causado uma retração nas compras no comércio local, acrescentando que os programas de animação da época “atraem mais pessoas e isso torna-se benéfico para o comércio local”.

O presidente da Associação de Desenvolvimento Comercial da Zona Histórica de Faro, José Carlos Manuel, partilha da opinião e considera que, de ano para ano, a capital algarvia tem beneficiado de várias iniciativas que levam cada vez mais gente ao centro da cidade, o que se reflete nos negócios.

“Nos últimos anos Faro renasceu das cinzas, a Baixa da cidade tem vindo a melhorar e hoje estamos com muito mais negócio em termos de comércio e hotelaria”, sublinhou, notando que este ano o negócio tem sido melhor que no ano passado.

Apesar de ainda ser cedo para fazer contas às vendas natalícias, o representante salientou que “as expetativas são boas, apesar da existência de dois concorrentes de peso”, ou seja, os dois centros comerciais mais próximos da cidade.

O dirigente desta associação de comércio indicou ainda o facto de este ano ter sido desenvolvida uma iniciativa inédita que disponibiliza um meio de transporte gratuito entre a Baixa de Faro e a principal grande superfície da capital algarvia.

“Temos um autocarro que faz a ligação entre o ‘shopping’ e a Baixa da cidade. Começou há cerca de uma semana e nós acreditamos que é mais vantajoso estarmos unidos do que de costas voltadas”, destacou.

A partir deste fim de semana as lojas na Baixa de Faro vão estar abertas ao domingo e passam ainda a ter um horário alargado durante a semana.

No programa de dinamização do comércio local e de animação no centro da cidade estão previstos desfiles, teatro, concertos, animação de rua, dança, patinagem artística e atividades científicas, estando aberta na praça da Pontinha a Aldeia do Pai Natal.

Verifique também

Vilamoura é a nova ‘meca’ da vela e atletas enchem hotéis e restaurantes

Vilamoura está a tornar-se na nova ‘meca’ da vela e a atrair centenas de atletas …