Pub

A marcha terá lugar no dia 20 de maio, sendo que com esta marcha a Comissão de Utentes pretende chamar a atenção para o aumento da sinistralidade naquela via.

“Com o verão à porta, o Algarve e os algarvios não podem esperar mais tempo”, alertou a comissão em comunicado. Esta comissão responsabiliza ainda o atual Governo e os políticos regionais pela “tragédia que se está a abater sobre o Algarve com a introdução de portagens na A22”, que liga Vila Real de Santo António a Lagos.

Segundo a comissão, “o horror regressou à EN 125, onde os acidentes acontecem todos os dias, com muitos feridos graves e, também, mortos”.

A iniciativa “Pedalar Contra as Portagens” irá ter vários pontos de concentração e partidas ao longo da Estrada Nacional 125 e que vão convergir às 11h00 nas Quatro Estradas, à entrada de Vilamoura. A partir deste local a marcha conjunta segue para o Aquashow onde haverá um convívio, informa a CUVI.

As concentrações acontecem em Faro pelas 9h00 no Jardim Manuel Bívar, em Almancil pelas 10h15 na Pastelaria Bolo Rei, em Quarteira pelas 10h15 na Pastelaria Beira-Mar, em Loulé pelas 10h15 no Mercado de Loulé e em Boliqueime, pelas 10h15 no Café Rotunda.

As inscrições podem ser feitas na rentabike@megasport.pt ou em ferradamichael@gmail.com até ao dia 15 de maio.

Liliana Lourencinho com Lusa

Pub