Pub

O diácono Albino Martins, que anunciou a ampliação na eucaristia de encerramento da visita pastoral à paróquia de Cachopo, no último domingo, na presença do presidente do município, Jorge Botelho, explicou a razão do aumento da capacidade de acolhimento da instituição. “Temos 30 camas apenas e não conseguimos dar resposta a todos os pedidos que nos chegam. Em termos financeiros também é muito complicado gerir uma casa com apenas 30 camas”, justificou.

Aquele responsável desejou ter condições para avançar com a obra, cujo valor global ainda não está contabilizado, “na primeira abertura de uma janela que permita o financiamento”.

O edifício daquela instituição vai ainda ser intervencionado na sua cobertura que apresenta infiltrações desde a construção.

A obra, que deverá ascender a cerca de 60 mil euros, será financiada pela Câmara Municipal de Tavira segundo anúncio feito também no último domingo.

O diácono Albino Martins, que agradeceu o apoio da autarquia, explicou que as infiltrações “causam problemas sérios a nível de segurança e de conforto”.

Samuel Mendonça

Pub