Breves
Inicio | DA | Comunidade franciscana algarvia conta com um novo sacerdote

Comunidade franciscana algarvia conta com um novo sacerdote

© Samuel Mendonça
Frei José Henriques
© Samuel Mendonça

A comunidade algarvia da Ordem dos Frades Menores (franciscanos) conta, desde dezembro passado, com a presença do frei José Henriques.

O sacerdote franciscano veio da Guiné onde esteve durante 43 anos, nos últimos anos como pároco da catedral de Bissau.

Natural da freguesia de Freixianda, concelho de Ourém, diocese de Leiria-Fátima, o frei José Henriques, testemunha ao Folha do Domingo que passou na Guiné “tempos longos e complicados”, tanto durante a luta pela independência como depois. “Acho que morreram mais pessoas depois do que durante a luta pela independência, sobretudo na guerra de 1998. Foi muito dura e houve destruição total de casas e de bens. Foi pior do que a guerra colonial”, relata, lembrando ter sido “apenas um ano, mas um ano muito duro”. “Muita gente fugiu. Eu não podia porque as pessoas corriam para a missão. Por isso lá fiquei e aguentei até ao fim”, testemunha.

Agora, de regresso a Portugal por “falta de saúde”, diz querer voltar à Guiné. “Estão à minha espera. Já estou recuperado e em março quero voltar, embora não possa estar muito tempo porque a idade já não o permite”, afirma o sacerdote de 70 anos.

Verifique também

Bispo do Algarve vai visitar as dioceses angolanas destinatárias da renúncia quaresmal deste ano

O bispo do Algarve vai visitar as dioceses angolanas de Viana e Luena, destinatárias da …