Pub

O primeiro concerto é “O Violino Cigano”, que narra um conto tradicional cigano, em que a expressão de sentimentos desta cultura se alia ao fantástico, quando a figura do diabo personifica um elemento da etnia. Este espetáculo está marcado para dia 30 em Faro e dia 13 de fevereiro no Auditório Municipal de Lagoa.

A “Fogueira de Inverno”, de Sergei Prokofiev, é o segundo concerto do ciclo Promenade 2011, cujo mote é “Contos Musicados” e é dedicado em especial às famílias, revelando um passeio de comboio realizado por crianças russas, onde se pode sentir os movimentos e as cenas através da forma de composição.

Este “Fogueira de Inverno” está agendado para dia 20 de fevereiro em Faro e para 13 de março em Lagoa.

O romance do “Grande Gatão”, de Sérgio Azevedo, é o terceiro espetáculo dos Promenade é baseado no romance de Lídia Jorge, que conta aventuras ao luar, lutas e feridas curadas pela amizade das crianças. Sobe ao palco de Faro a 20 de março e a 10 de abril em Lagoa.

“A Menina do Mar”, de Fernando Lopes-Graça, e “Um Pequeno Musical”, de Eurico Carrapatoso, são outras das propostas musicais que a Orquestra do Algarve vai levar ao palco do Teatro Municipal de Faro e a Lagoa.

O ciclo de Concertos Promenade conta também histórias e a entrega dos prémios do passatempo a realizar ao longo do ciclo, no qual o público pode concorrer mediante a coleção de autocolantes cedidos em cada concerto.

Os ingressos para os espetáculos têm um custo de 10 euros com descontos de 25 por cento para maiores de 65 anos e preço único de sete euros para menores de 30 anos.

A iniciativa da Orquestra do Algarve tem o patrocínio da Caixa Geral de Depósitos e o apoio do Teatro Municipal de Faro.

Folha do Domingo/Lusa
Pub