Pub

Ars_algarve_logotipoO concurso público para o cargo de presidente do conselho diretivo da Administração Regional de Saúde (ARS) do Algarve recebeu 13 candidaturas e as propostas de nomeação devem seguir para o Governo no próximo dia 30.

A informação foi dada hoje à Lusa por Carlos Pires, das relações públicas da Comissão de Recrutamento e Seleção para a Administração Pública (CReSAP), que adiantou ainda que se registou 10 candidatos para vogal.

O concurso público para o cargo de presidente do conselho diretivo da ARS Algarve abriu a 25 de setembro e o encerramento das candidaturas decorreu no passado dia 08 de outubro.

A fase das entrevistas aos candidatos está marcada para o dia 29 de outubro, um dia antes da data prevista para o envio das propostas de nomeação pela CRESPA ao Governo.

O ministro da Saúde, Paulo Macedo, assegurou a 04 de setembro, numa visita que fez ao Hospital de Faro, que o concurso público para o novo presidente da ARS Algarve iria abrir naquela mês e que o lugar iria ser preenchido em outubro.

O presidente do conselho diretivo da ARS Algarve, Martins dos Santos, apresentou a 12 de julho a sua demissão ao ministro da Saúde.

A demissão surgiu depois da criação do novo Centro Hospitalar do Algarve (CHA), um modelo que engloba as três unidades hospitalares da região: Faro, Portimão e Lagos.

O procedimento do concurso público para o cargo de presidente do conselho diretivo foi classificado como “urgente” e de “interesse público” e por esse motivo não houve “lugar à audiência de interessados”.

Pub