Pub

Em declarações à Lusa, fonte do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM) explicou que a criança se encontrava em estado muito grave quando deu entrada no Hospital de Faro, onde está internada nos Cuidados Intensivos das Urgências da Pediatria.

A criança estaria a brincar com amigos junto a uma nora e os traumatismos terão sido motivados pela bomba de água da mesma nora, adiantou o INEM, acrescentando que a ocorrência foi registada às 15:00.

Na época balnear de 2009, o Hospital Central de Faro atendeu 13 crianças vítimas de afogamento, das quais duas morreram.

O afogamento é a segunda causa de morte acidental nas crianças, ultrapassada apenas pelas mortes em acidentes rodoviários, segundo dados da UNICEF de 2001.

A Associação Portuguesa de Segurança Infantil (APSI) estima que em 2009 morreram 17 crianças em Portugal por afogamento.

Lusa

Pub