Pub

Realizou-se de 9 a 12 deste mês, na Casa de Retiros de São Lourenço do Palmeiral, o 53º Curso de Cristandade de Senhoras.

A iniciativa, que foi promovida pelo Movimento dos Cursos de Cristandade (MCC), teve o seu encerramento, presidido pelo bispo do Algarve, D. Manuel Quintas, no último dia na paróquia de Ferreiras.

O curso contou com uma equipa sacerdotal composta pelos padres Rui Barros, Nuno Coelho e Rafael Rocha com uma equipa de leigos de 14 elementos, que incluiu a reitora Dulce Morgado e a vice-reitora Ludovina Martinhos, sendo participado por 31 senhoras, oriundas das paróquias de Albufeira, Aljezur, Boliqueime, Ferreiras, Matriz de Portimão, Monchique, Odeceixe, Pechão, Sagres, São Luís – Faro, São Pedro – Faro, Tavira e Vila do Bispo.

O curso procurou proporcionar às participantes, na sua maioria esposas dos elementos que realizaram o último curso de homens, momentos de encontro e (re)descoberta do amor de Deus e de (re)encontro com Jesus Cristo e o encerramento contou também com os seus testemunhos. Os muitos cursistas presentes no encerramento tiveram oportunidade de reviver a clausura e o seu cursilho.
O primeiro cursilho no Algarve realizou-se a 18 de março de 1964, sendo destinado a homens, ao qual se seguiu o primeiro cursilho de senhoras em abril do ano seguinte.

O MCC é um movimento eclesial que propõe uma vivência de vida segundo os fundamentos da fé. Depois da participação num curso ou cursilho (termo adaptado do original espanhol) de três dias e meio, os fiéis são convidados a continuarem a caminhar em grupo, nas comunidades, realizando encontros (ultreias) onde partilham as suas experiências de fé.

Pub