Pub

Das vítimas, seis mulheres e um homem, com idades entre os 33 e os 50 anos, apenas uma – uma mulher de 47 anos -, inspira mais cuidados, embora não corra perigo de vida, disse à Lusa fonte do Centro Hospitalar do Barlavento Algarvio.

Segundo a GNR, os trabalhadores faziam o trajeto entre Odemira, no Alentejo, e Aljezur, no Algarve, pela Estrada Nacional 120, quando se despistaram no sítio do Palazim, já próximo de Aljezur.

A mesma fonte referiu que o nevoeiro e o piso molhado pela chuva fraca que hoje de manhã se abateu naquela zona podem ter sido a causa do despiste, o que vai agora ser averiguado pelas autoridades.

Os feridos foram todos transportados para o Hospital do Barlavento Algarvio, em Portimão, onde se encontram em observação, embora a maioria deva ter alta ainda hoje, estimou fonte hospitalar.

O acidente ocorreu cerca das 08:00 e condicionou o trânsito automóvel naquela zona, acrescentou a GNR.

Para o local foram mobilizados 38 elementos dos Bombeiros de Aljezur, Lagos, INEM e GNR, apoiados por 14 viaturas.

Lusa
Pub