Breves
Inicio | Igreja | Dia Diocesano do Catequista foi celebrado em Tavira

Dia Diocesano do Catequista foi celebrado em Tavira

Dia_diocesano_catequista_2017 (1)
Foto © Samuel Mendonça

O Dia Diocesano do Catequista reuniu no passado sábado em Tavira 234 dos cerca de 1.100 que a Diocese do Algarve tem ao serviço nas 80 paróquias do Algarve para a formação de cerca de 10 mil crianças e adolescentes.

Dia_diocesano_catequista_2017 (4)
Foto © Samuel Mendonça

A iniciativa, promovida pelo Sector da Catequese da Infância e Adolescência da Diocese do Algarve no Parque de Feiras e Exposições, teve início com a oração da manhã, seguindo-se a conferência do padre Carlos de Aquino sobre o tema “Catequese e Liturgia”. O sacerdote alertou para o “grave e imenso desafio” de “contribuir para que não prevaleça ainda o divórcio entre catequese e liturgia”, sublinhando que aqueles dois “dinamismos” são “duas via complementares”.

Depois da formação teve lugar a celebração da eucaristia, presidida pelo bispo do Algarve. D. Manuel Quintas alertou aos educadores que “não basta transmitir doutrina”. “É preciso que essa doutrina a digamos, antes de mais, a nós. Antes de evangelizadores, evangelizados”, advertiu o prelado, lembrando que “o primeiro distintivo dos catequistas é serem homens e mulheres de fé”. “[É preciso] entender, viver, testemunhar aquilo que transmitimos aos outros. E isso só é possível a partir da fé. É que podemos correr o risco de falar de Jesus sem conhecer e sem saber quem Ele é. É importante que não falemos de estranhos”, prosseguiu.

Dia_diocesano_catequista_2017 (6)
Foto © Samuel Mendonça

Por outro lado, o bispo do Algarve lembrou aos catequistas que na Igreja os agentes pastorais são “apenas instrumentos”. “Quem age verdadeiramente nos outros é o Espírito Santo. A nós compete-nos semear com generosidade, com alegria, com muita esperança no coração, mesmo não vendo os frutos”, esclareceu na celebração que terminou com a entrega de certificados aos catequistas que frequentaram em 2016 os cursos de iniciação em Tavira e Quarteira, bem como os que fizeram o Curso Geral.

A jornada prosseguiu da parte da tarde com uma apresentação sobre a Infância Missionária, seguindo-se a cantata “O Conquistador” sobre D. Afonso Henriques e D. João IV que proclamou Nossa Senhora como Rainha de Portugal, protagonizada pela Escola de Música Padre Elísio Dias, da paróquia de Quarteira, sob a orientação do professor Rodrigo Lopes.

Dia_diocesano_catequista_2017 (35)
Foto © Samuel Mendonça

O encontro terminou em festa com a atuação do grupo Aviva, tendo o padre José Joaquim Campôa, diretor do Secretariado Diocesano da Catequese da Diocese do Algarve, encerrado o dia com um apelo a párocos e catequistas a uma maior participação naquela atividade anual, lembrando que qualquer
atividade diocesana se sobrepõe às paroquiais, incluindo a realização de catequeses naquele dia.

We cannot display this gallery

Verifique também

Lausperene da Igreja algarvia concluiu-se com apelo a que se prossiga naquela iniciativa

A Igreja Católica algarvia concluiu na passada sexta-feira a cadeia de oração permanente ao Santíssimo …