Pub

"O serviço atualmente disponível no Aeroporto do Porto irá também iniciar-se no Aeroporto de Faro, passando a ser possível a aquisição, na estação de correios desse aeroporto, de títulos pré-pagos de três e cinco dias e trajetos pré-definidos", anunciou a Estradas de Portugal (EP), já que este bilhete pode ser também comprado pelos estrangeiros que aterram em Faro e circulam depois em carros de matrícula estrangeira.

No entanto, o título também pode ser adquirido no posto transfronteiriço de Vila Real de Santo António e na área de serviço de Olhão.

O custo para viajar desde Espanha, pela Via do Infante, até ao Aeroporto de Faro ainda não é conhecido, mas deverá corresponder ao valor do trajeto específico a percorrer desde a fronteira.

Além deste novo pré-pago, desde abril deste ano que são comercializados mais três títulos, todos exclusivamente para serem utilizados em viaturas de matrícula estrangeira, nas três SCUT (estradas sem custos para o utilizador) do Norte.

É o caso do título válido por três dias, com o custo único de 20,62 euros para as classes 1, 2 e 5, e sem qualquer limite de utilizações, no período definido no momento da aquisição.

Um outro título, válido para cinco dias, para as mesmas classes, custa 10,62 euros e funciona como uma espécie de carregamento. Nas datas definidas pelo utilizador, a cada passagem da viatura é descontado o valor do respetivo pórtico.

Para responder às críticas dos utilizadores galegos, foi criado também um pré-pago para permitir a viagem desde a fronteira até ao Aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto, pelas antigas SCUT.

Trata-se de um pré-pago válido para uma ou duas viagens "de ou para o aeroporto do Porto via A28 ou A41" e a "realizar nas datas contratadas", com o custo correspondente à respetiva viagem.

"De forma a facilitar a adesão dos condutores de veículos estrangeiros aos sistemas de pagamento das novas portagens", a EP anunciou ainda a disponibilização de três novos pontos de venda automática nos postos fronteiriços de Vila Nova de Cerveira, Vilar Formoso e Vila Real de Santo António.

"Nestes pontos de venda, os condutores de veículos de matrícula estrangeira podem, 24 horas por dia, adquirir títulos pré-pagos de três e cinco dias e trajetos pré-definidos para circular nestas autoestradas", explica a empresa.

Segundo a EP, estes títulos passam ainda a poder ser adquiridos nas áreas de serviço de Olhão (A22), Abrantes (A23), Celorico da Beira (A25), Vila do Conde e Viana do Castelo (A28).

As vias que passam a ter portagens a partir de 08 de dezembro são a A22, que integra a concessão do Algarve, a A23 (entre o nó com a A1 e o nó de Abrantes, que integra a concessão da Estradas de Portugal e no restante a concessão da Beira Interior), a A24, integrada na concessão do Interior Norte, e a A25, que integra a concessão da Beira Litoral/Beira Alta.

Lusa

Pub