Pub

O especialista holandês em economia regional, que na passada semana recebeu o grau ‘honoris causa’ pela Universidade do Algarve, sublinhou que muitos empresários não acreditam no setor público por acharem que é “burocrático, pouco fiável e demasiado orientado por questões políticas”.

Peter Nijkamp entende que o setor privado português possui “recursos robustos”, como o turismo, que não perdeu terreno como na Grécia, país no qual se cometeu o erro de afastar os turistas: “Os gregos não foram muito prudentes no passado ano e meio, pois têm sido agressivos para os outros países europeus e até para os turistas”, refere, calculando que o turismo na Grécia tenha sofrido uma quebra de 25%.

O professor catedrático concluiu referindo que o setor privado português “deve estar melhor preparado para a internacionalização.”

Rúben Oliveira com Lusa
Pub