Breves
Inicio | Sociedade | Estrada Nacional 125 em sétimo lugar na lista das vias mais perigosas do país

Estrada Nacional 125 em sétimo lugar na lista das vias mais perigosas do país

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

A Estrada Nacional 125 surge em sétimo lugar no relatório anual de segurança rodoviária de 2018 que aponta as vias mais perigosas.

A estrada algarvia, entre Vila do Bispo a Vila Real de Santo António, aparece conjuntamente naquele lugar com o IC2 (entre Lisboa e Porto), o IC29 (entre Porto e Gondomar), o IC20 (Via Rápida da Costa de Caparica), a EN14 (entre Porto e Braga), a A28 (entre Porto e Vilar de Mouros) e a A3 (Porto e Valença).

Segundo a Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR), que publica o relatório, estas vias têm apenas dois pontos negros cada uma.

Na lista, que tem no topo o IC19, na zona de Lisboa, como a via mais perigosa do país, surge ainda em terceiro lugar, logo depois da Estrada Nacional (EN) 10, entre Vila Franca de Xira e Setúbal pela margem sul do rio Tejo, a A2 (Autoestrada do sul), com seis pontos negros.

Entram para a lista dos pontos negros os troços com um máximo de 200 metros de extensão onde se registaram, pelo menos, cinco acidentes com vítimas durante um ano.

O relatório de 2018, divulgado na quarta-feira, indica que no ano passado se registaram 34.235 acidentes com vítimas, de que resultaram 508 vítimas mortais ocorridas no local do acidente ou durante o transporte até ao hospital, 2.141 feridos graves e 41.356 feridos ligeiros.

Em relação a 2017, a ANSR sublinha que se registou menos 181 acidentes com vítimas (-0,5%), menos duas vítimas mortais (-0,4%), menos 57 feridos graves (-2,6%) e menos 431 feridos leves (-1,0%).

Verifique também

Acidente desta tarde na Via do Infante causa três mortos e dois feridos graves

O acidente que hoje à tarde envolveu quatro carros na Via do Infante (A22), em …