Pub

Faleceu hoje, pouco depois das 12h, a irmã Ana de São Bartolomeu da comunidade algarvia das Carmelitas Descalças.

A religiosa, que no passado dia 3 deste mês tinha completado 87 anos e que faleceu no convento de Nossa Senhora Rainha do Mundo, no Patacão, concelho de Faro, era natural de Tomar.

A irmã Ana de São Bartolomeu, que estava doente, viu a sua saúde debilitar-se deste setembro passado.

Em comunicado enviado ao Folha do Domingo, a comunidade das irmãs Carmelitas Descalças refere que a consagrada “adormeceu no seu Senhor numa grandíssima suavidade” e que “as suas últimas palavras foram: “quem é pobre, sempre é pobre!”. “Temos mais uma Santa no céu! O Bom Jesus e a Santíssima Virgem do Carmo vieram buscar para junto de si a nossa querida Irmã Ana de São Bartolomeu! De novo, no nosso Carmelo respiramos aquela divina serenidade; de novo tudo é simples, profundo e solene! De novo, as lágrimas da saudade são também de imenso louvor e ação de graças por nos ter sido oferecido o dom de viver, e aprender a viver, junto desta santa Irmã!”, acrescenta a informação.

A celebração das exéquias, presidida pelo bispo do Algarve, D. Manuel Quintas, terá lugar na próxima quarta-feira, 29 de janeiro, pelas 11h, no Mosteiro de Nossa Senhora Rainha do Mundo.

Como acontece com todas as religiosas daquela comunidade, a irmã Ana de São Bartolomeu ficará sepultada no cemitério do próprio mosteiro carmelita.

Pub