Breves
Inicio | Sociedade | Faro: Macário Correia acusa Estradas de Portugal de “desleixo” e “carência de conservação” em cruzamento da EN125

Faro: Macário Correia acusa Estradas de Portugal de “desleixo” e “carência de conservação” em cruzamento da EN125

"A Câmara Municipal de Faro manifesta publicamente o seu profundo descontentamento pelo estado de insegurança, desleixo e carência de conservação a que foi votado o cruzamento do Patacão", lê-se num comunicado enviado hoje à comunicação social intitulado "Estradas de Portugal provoca insegurança em Faro".

Segundo o presidente da Câmara o cruzamento do Patacão é um ponto viário com "elevado caudal de tráfego", mas a Estradas de Portugal está a prestar "um deplorável serviço público e a violar reiteradamente o seu compromisso de velar pela segurança dos utilizadores da EN-125, o que nos merece o mais vivo repúdio".

A autarquia de Faro recorda que "há mais de uma semana, após as intempéries que assolaram a região, que a semaforização e as placas electrónicas não se encontram em funcionamento [no cruzamento do Patacão], o que acarreta gravíssimos riscos para a integridade de pessoas e bens".

"Faro e o Algarve não podem estar reféns da inépcia e inabilidade da Estradas de Portugal", indica ainda o comunicado de imprensa da autarquia, que reivindica a "qualidade de serviço que garanta parâmetros de segurança adequados na EN-125".

Verifique também

Sismo de magnitude 3,9 na escala de Richter a sul de Faro

Um sismo de magnitude 3,9 na escala de Richter foi sentido ontem entre Faro e …