Inicio | Cultura | Festival de Órgão volta ao Algarve em novembro

Festival de Órgão volta ao Algarve em novembro

A Associação Cultural Música XXI organiza a 11ª edição do Festival de Órgão, que percorre os concelhos de Faro, Portimão, Loulé e Tavira entre 2 e 30 de novembro. Serão 13 apresentações, incluindo concertos, concerto pedagógico, apresentação de alunos e missa acompanhada ao órgão, protagonizados por seis organistas e vários cantores/instrumentistas.

O concerto de arranque do Festival tem lugar em Faro, com a organista Margarida Oliveira e o tenor Bruno Nogueira na igreja do Carmo. Este espaço receberá também uma combinação peculiar de órgão e trompa, respetivamente com Daniel Nunes e Edgar Barbosa.

Na Sé de Faro, Sérgio Silva e o Ensemble Vocal Introitus apresentarão um programa de invocação Mariana, enquanto o conceituado organista espanhol Andrés Cea Galán percorrerá as escolas organísticas alemã, holandesa e ibérica.

Esta igreja acolherá ainda outras iniciativas, tais como um concerto pedagógico com Inês Machado ao órgão, a apresentação do trabalho desenvolvido pelos alunos da recente Escola de Órgão da Sé de Faro e uma missa dominical acompanhada ao órgão de tubos por estes alunos e pelo Coro de Câmara Vozart.

Após os trabalhos de reparação será inaugurado o restauro do órgão de tubos da igreja matriz de Portimão, com a organista Margarida Oliveira e a participação do Coral Adágio. Também naquela igreja Daniel Nunes e Edgar Barbosa apresentarão música de câmara para órgão e trompa.

A igreja matriz de Boliqueime acolherá um itinerário vocal que tem por base de inspiração o património artístico da própria igreja, protagonizado por Sérgio Silva e Ensemble Vocal Introitus. O segundo concerto será conduzido pelo organista Paulo Bernardino.

Em Tavira, o músico, investigador e professor espanhol Andrés Cea Galán, com uma intensa carreira internacional, fará soar o órgão da igreja de Santiago. Paulo Bernardino encerrará o Festival de Órgão do Algarve, na igreja da Misericórdia.

Os concertos realizam-se às 21h30 e todos os eventos são de entrada livre.

O Festival de Órgão do Algarve 2018 conta com os apoios da Direção Regional de Cultura do Algarve e dos Municípios de Faro, Loulé, Tavira e Portimão, com o apoio à divulgação da Região de Turismo do Algarve e com os parceiros de comunicação Antena 2, Sul Informação e Rua FM. Conta ainda com a parceria da Ordem do Carmo de Faro, do Cabido da Sé de Faro, das Paróquias de Portimão, Boliqueime e Tavira e da Misericórdia de Tavira.

Cartaz

Verifique também

Livro de Patrícia Palma revela rede de bibliotecas religiosas que contribuiu para cultura escrita no século XVIII

A nova publicação da investigadora algarvia Patrícia de Jesus Palma vem desconstruir “a ideia feita …

Folha do Domingo

GRÁTIS
BAIXAR