Pub

De acordo com Macário Correia, a cimeira deverá congregar, além dos vários municípios da região, a Associação de Comércio e Serviços da Região do Algarve (ACRAL), a Associação Empresarial da Região do Algarve (NERA) e a Comissão de Utentes da Via Infante, entre outras.

Um dos membros da comissão, Nuno Viana, disse à Lusa que a "grande expetativa" reside na criação de uma plataforma que congregue as diversas forças regionais para uma tomada de posição conjunta.

"Todos juntos temos mais força e conseguimos fazer-nos ouvir no Governo", afirmou, sublinhando que o Algarve não deve ser "posto no mesmo saco" de outras regiões pelas suas "especificidades".

O Grupo Parlamentar do Bloco de Esquerda (BE) propôs hoje à Assembleia da República que recomendasse ao Governo a suspensão da introdução de portagens na Via do Infante, prevista para acontecer até 15 de abril.

A Comissão de Utentes entregou na semana passada na Assembleia da República a primeira petição popular de 2011, com cerca de 14 mil assinaturas, contra a introdução portagens na A22.

Folha do Domingo/Lusa

Pub