Breves
Inicio | Cultura | Fórum “Pensar Faro”: Diretora de Cultura do Algarve defendeu divulgação do património de civilizações

Fórum “Pensar Faro”: Diretora de Cultura do Algarve defendeu divulgação do património de civilizações

Foto © Samuel Mendonça/Folha do Domingo

A diretora regional de Cultura do Algarve defendeu no Fórum “Pensar Faro” que a capital e a região algarvia devem dar a conhecer o património de muitas civilizações que possuem.

Alexandra Gonçalves falava na iniciativa que decorreu nos dias 9 e 10 deste mês na Escola de Hotelaria e Turismo do Algarve, promovida pela União de Freguesias de Faro sob o tema “A História e o Património Cultural de Faro”.

Aquela responsável – que abordou na sua conferência, sob o tema “O Património Cultural na valorização Turística de Faro”, as atuais tendências do turismo – concordou com a proposta feita pelo historiador João Pedro Bernardes e lembrou que, para além do período romano “há outros patrimónios, de outros períodos que também são de interesse e que interessa dar a conhecer”. “Simbologias e histórias para contar há imensas”, assegurou.

“Falamos muitas vezes por comparação com a monumentalidade das grandes capitais e esquecemos que temos aquilo que é a maior riqueza que é esta presença de muitas civilizações que foram passando por aqui e que temos uma história muito antiga para contar”, prosseguiu na abordagem que fez à gestão do património cultural, tendo em conta a manutenção, estudo, preservação e a compatibilização de interesses com a realidade turística., bem como os riscos e benefícios do turismo para a cultura local.

O Fórum “Pensar Faro”, enquanto encontro científico e cultural, teve como objetivo “promover o debate em torno de múltiplas questões relacionadas com o passado, o presente e o futuro da capital algarvia”.

Verifique também

Monumentos do Algarve batem recorde com cerca de meio milhão de visitas

Os monumentos tutelados pela Direção Regional de Cultura do Algarve registaram de janeiro a novembro …