Pub

A operação decorreu de uma vigilância à costa por elementos da UCC/GNR munidos de câmaras, tendo os “operadores notado a movimentação anormal de duas embarcações na ria Formosa”, relatou a mesma fonte.

“As embarcações de pesca fundearam numa zona onde não é costume”, acrescentou a fonte da UCC/GNR.

O Comando da UCC/GNR, através do destacamento de Olhão, iniciou de “imediato uma operação por terra, e por mar”, que levou à apreensão das duas toneladas e meia de fardos de haxixe, enquanto eram descarregados para duas viaturas ligeiras, também apreendidas, contou.

Os fardos de droga eram “transportados em duas traineiras de pesca, e os quatro homens, agora detidos, foram apanhados em flagrante delito”, acrescentou.

A Unidade de Controlo Costeiro “já apreendeu, desde o início do ano, mais de sete toneladas e meia deste estupefaciente”, sendo a apreensão registada em Aljezur “a maior quantidade de uma só vez, com três toneladas e quatrocentos quilos”, concluiu a mesma fonte.

Lusa

Pub