Pub

A operação foi realizada entre domingo e segunda feira por "cerca de 90 militares, com o apoio de Unidade de Intervenção da GNR, Forças de Operações Especiais e Binómios de Detecção de Droga" e levou à detenção de um homem, de 35 anos, que será hoje presente ao tribunal de Faro, disse a GNR, acrescentando que foram constituídos arguidos outras duas pessoas, de 22 e 26 anos.

A operação, segundo um comunicado do Comando de Faro da GNR, "foi o culminar de uma investigação que durava há cerca de um ano" e terminou com "buscas domiciliárias que decorreram em residências na zona da Fuzeta/Algarve e na zona de Sintra/Lisboa".

Fonte do comando de Faro precisou à agência Lusa que "a rede abastecia-se de produto estupefaciente em Espanha e distribuía-a nas zonas da Fuzeta e Sintra".

"De entre o diverso material apreendido constam duas viaturas ligeiras de passageiros, dois LCD’s, uma aparelhagem de som, um computador portátil roubado à Câmara Municipal de Olhão, cerca de 15.000 doses de haxixe, duas caçadeiras de canos cerrados, uma carabina, um bastão extensível, vários tipos de munições, uma balança de precisão, sacos recortados para o doseamento da droga, vários maços de tabaco, vários telemóveis e algum dinheiro", adiantou a GNR.

A força de segurança informou ainda que na segunda feira deteve quatro pessoas em ações de fiscalização rodoviária em vários pontos do Algarve.

Em Quarteira, foram detidos um homem e uma mulher, ambos com 29 anos, por condução com uma taxa de álcool no sangue de 1,84 e 1,31 gramas por litro de sangue, o mesmo acontecendo com outro homem de 60 anos, que acusou uma taxa de alcoolemia de 2,39, no Carvoeiro.

A outra detenção foi feita em Armação de Pêra, onde um homem de 46 anos foi apanhado a conduzir sem habilitação legal um veículo apreendido.

Lusa

Pub