Pub

Em declarações à Lusa, o comandante da GNR Vítor Calado explicou que esta segunda feira um menino de 11 anos e um amigo, de 15 anos, fizeram alguns tiros com uma pistola de calibre 6.35 junto da escola EB 2,3 da freguesia de Montenegro, no concelho de Faro, numa zona de obras.

A informação dos disparos chegou à diretora da escola, Ana Fevereiro, que interpelou o aluno e lhe descobriu dentro da mochila a pistola de calibre 6.35, mas sem munições.

A professora e diretora da escola informou à GNR, que se deslocou ao local e apreendeu a arma.

A arma pertence ao avô da criança e está legalizada, contudo o caso está em fase de inquérito para apurar as circunstâncias em que a arma foi parar às mãos da criança.

A criança que transportava a arma na mochila vive com os avós e o pai, mas hoje não foi à escola, tal como o colega que o acompanhava, adiantou fonte da EB 2,3 de Montenegro.

Lusa

Pub