Pub

Em declarações aos jornalistas, Helena André, que hoje visita três concelhos da região, disse que aquela iniciativa, aprovada em Conselho de Ministros na passada semana, estima cobrir no Algarve um total de cerca de vinte mil pessoas.

Questionada sobre o problema da sazonalidade no Algarve, onde o desemprego duplicou no último ano, a governante apontou a criação do programa Qualificação-Emprego para o sector do turismo como uma das medidas para combater o fenómeno.

“O plano Qualificação-Emprego para o sector do Turismo é uma das respostas, mas não a única”, disse a ministra, sublinhando que a região do Algarve “vai ser obviamente uma das grandes beneficiárias” do programa.

Segundo a ministra, que falava durante a inauguração das novas instalações da Segurança Social de Albufeira o plano, em vigor até ao final deste ano, foi negociado com os parceiros sociais.

“A nossa preocupação maior é a manutenção dos contactos com o mercado de trabalho e a inserção das pessoas”, sublinhou, apontando o apoio às empresas e a formação como outras das ferramentas para combater o desemprego.

Durante a sua visita ao Algarve a ministra inaugura equipamentos no âmbito do Programa de Alargamento da Rede de Equipamentos Sociais (PARES) e entrega diplomas do Programa Novas Oportunidades.

Pub