Pub

De acordo com fonte do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), que registou o óbito no local, a vítima, com idade entre os 36 e os 40 anos, sucumbiu a uma paragem cardiorrespiratória devido à inalação de fumos.

Apesar de ter causado danos consideráveis na habitação, o fogo não se terá estendido aos apartamentos contíguos.

No local estiveram quatro veículos dos bombeiros, com 11 elementos, agentes da PSP e uma equipa do INEM.

As causas do incêndio vão agora ser investigadas pela Polícia Judiciária, que também esteve no local a recolher indícios.

Lusa
Pub