Pub

 

Os jovens algarvios que irão participar na Jornada Mundial da Juventude (JMJ), de 23 a 27 deste mês no Panamá, com o papa Francisco, partiram esta madrugada.

A diocese algarvia será representada no encontro mundial de jovens com o papa por 28 participantes, dos quais três jovens sacerdotes – os padres Nelson Rodrigues, assistente do Setor Diocesano da Pastoral Juvenil (SDPJ), Tiago Veríssimo, membro da equipa do SDPJ e pároco de Monchique, e Adelino Ferreira, pároco de Vila Real de Santo António –, um jovem casal da paróquia das Ferreiras e 23 outros jovens oriundos das paróquias de Silves (9), Paderne (4), Quarteira (3), São Pedro de Faro (2), Ferreiras (1), Portimão (1), Tavira (1), Loulé (1) e Olhão (1).

Esta madrugada, por volta das 3h30, a maioria elementos saíram da igreja das Ferreiras para o aeroporto de Lisboa, onde se encontraram com os algarvios que foram diretamente lá ter e com os restantes portugueses que integram o contingente nacional para embarcarem no voo que os está a levar neste momento rumo ao Panamá.

Os portugueses irão fazer escala em Newark (EUA), antes de chegarem ao Panamá. No dia 30, o regresso será também feito via Newark, mas passarão ainda por Munique antes de fazer escala em Lisboa de volta ao Algarve.

A Igreja algarvia tem marcado presença ao longo da história das JMJ. Participou na primeira em 1985 em Roma com dois autocarros com cerca de cem participantes e voltou a participar em 1989, em Santiago de Compostela, com 50 jovens. A presença algarvia repetiu-se em Paris (1997) com 150 elementos, em Roma (2000) com 400 elementos, em Colónia (2005) com 113 elementos, em Sidney (2008) com 13 elementos, em Madrid (2011) com 232 elementos, no Rio de Janeiro (2013) com 39 elementos e em Cracóvia (2016) com 104 elementos.

Pub