Inicio | DA | Legião de Maria do Algarve celebrou a Festa de Ácies

Legião de Maria do Algarve celebrou a Festa de Ácies

© Samuel Mendonça
© Samuel Mendonça

A Legião de Maria do Algarve celebrou no último domingo a Festa de Ácies, a maior celebração anual daquela associação internacional de leigos católicos, fundada em setembro de 1921, em Dublin (Irlanda).

A festividade, participada por cerca de legionários oriundos de Faro, Luz de Tavira e Santa Bárbara de Nexe, realizou-se na igreja de Nossa Senhora do Carmo, em Faro, com a oração do terço, seguindo-se a eucaristia presidida pelo frei Paulo Ferreira, assistente espiritual da Legião de Maria do Algarve, com renovação da promessa legionária de consagração da Nossa Senhora.

Na homilia, o sacerdote destacou o reconhecimento por parte do Vaticano, no passado dia 27 de março, da Legião de Maria como “associação internacional de fiéis”.

O presbítero destacou ainda a Festa de Ácies como “festa de agradecimento mas também de fortalecimento” para mais um ano do movimento no Algarve. “O Senhor pede-nos que neste ano possamos ser testemunhas evangelizadoras e também que possamos convidar outros a conhecer este caminho”, afirmou.

Ao Folha do Domingo, Isilda Delfino, responsável pela Legião de Maria no Algarve, reconheceu que os seis praesidium (núcleos) do movimento na diocese “estão um bocadinho envelhecidos”, daí se notar um decréscimo de participantes. “No entanto temos trabalhado para que haja um rejuvenescimento”, acrescentou.

No próximo sábado, dia 24 de maio, a Legião de Maria do Algarve promove um dia de peregrinação e convívio ao Santuário de Vila Viçosa e a Campo Maior.

O movimento nasceu na Irlanda por iniciativa de Frank Duff, um funcionário das Finanças que mais tarde assumiu o cargo de secretário particular do Ministério da Defesa irlandês.

Em Portugal, a Legião de Maria conta com cerca de 35 mil membros, publicando uma revista trimestral e um boletim mensal.

Verifique também

Paróquia das Ferreiras acolhe Oficina de Oração e Vida

A paróquia das Ferreiras está a acolher uma Oficina de Oração (TOV) e Vida desde …