Pub

Vai ser apresentado no próximo dia 18 deste mês um livro do padre Flávio Martins, sacerdote da Diocese do Algarve, intitulado “Palavra no Silêncio”.

O lançamento da publicação será feito pelas 18h30, na igreja matriz de Albufeira, e contará com apresentação do padre António de Freitas, reitor do Seminário de São José de Faro, autor também do prefácio da obra.

Ao Folha do Domingo, o padre Flávio Martins explicou que o livro é constituído por um conjunto de reflexões pessoais que foram tornadas públicas durante o tempo de confinamento provocado pela pandemia de covid-19.

“As meditações nasceram de um desafio, no início da Quaresma [deste ano], de publicar no Facebook” a “reflexão e preparação da homilia das missas feriais”. O sacerdote acrescentou que a ideia da partilha das reflexões seria apenas para o período da Quaresma, mas acabou por se alargar também ao tempo da Páscoa.

“Daí surgiu um segundo desafio: publicar em livro”, revelou, explicando que, após o confinamento, as reflexões foram sendo “meditadas, rezadas e interpeladas na Palavra e na realidade dos dias” que se iam vivendo.

O padre Flávio Martins foi um dos sacerdotes da Diocese do Algarve que, durante o tempo de confinamento, transmitiu nas redes sociais vários momentos de oração, de recitação do terço e de celebração da eucaristia.

O sacerdote, de 40 anos, é natural de Monte Gordo. Foi ordenado sacerdote pelo bispo do Algarve, D. Manuel Quintas, no dia 11 de maio de 2008 na igreja de São Pedro do Mar, em Quarteira.

Atualmente é pároco de Albufeira, serviço que exerce desde setembro de 2016. Já foi pároco de Cachopo, Martim Longo e Vaqueiros, na serra algarvia, e de Tavira. Entre outros serviços, já foi o diretor do Secretariado da Catequese da Diocese do Algarve e é atualmente o responsável pelo Setor Diocesano da Educação da Fé dos Adultos.

Pub