Breves
Inicio | Sociedade | ‘Luz da Paz’, vinda do local do nascimento de Jesus, volta ao Algarve

‘Luz da Paz’, vinda do local do nascimento de Jesus, volta ao Algarve

Foto © Samuel Mendonça
Foto © Samuel Mendonça

A ‘Luz da Paz’, trazida da igreja da Natividade, em Belém (Palestina), o local atribuído ao nascimento de Jesus, regressa ao Algarve antes do Natal e voltará a estar presente em algumas paróquias algarvias.

A tradição da ‘Luz da Paz’ foi iniciada há cerca de 25 anos, na Áustria, resultante de uma ação caritativa a favor de crianças portadoras de deficiência e de pessoas carenciadas, promovida pela televisão pública austríaca. Desde então, todos os anos uma criança daquele país é convidada a recolher a luz da igreja da Natividade e, a partir de uma celebração ecuménica realizada em Viena, a distribui-la pela Europa, acompanhada de uma mensagem de paz. Desde 1990 muito difundida pelos escuteiros, a ‘Luz da Paz’ é atualmente recebida em cerca de 25 países.

Assim, no próximo dia 16 deste mês, uma delegação de dirigentes algarvios do Corpo Nacional de Escutas (CNE) desloca-se novamente à vizinha Diocese de Huelva (Espanha) para trazer, pelo quinto ano consecutivo, a ‘Luz da Paz’.

Pelas 23h, o luzeiro será recebido na igreja de São Pedro, em Faro, onde terá lugar uma celebração aberta a todas as pessoas que nela queiram participar. No final da celebração, a luz oriunda de Belém será distribuída a todos quantos a quiseram levar nas suas lamparinas, lanternas ou candeias para suas casas, paróquias, instituições, movimentos, organizações, associações ou grupos.

O CNE promove também uma cerimónia nacional de receção e partilha da ‘Luz da Paz’ que terá lugar já no próximo domingo, 11 de dezembro, na Sé de Évora, às 17h, onde são esperados mais de 1300 escuteiros de representações de todo o país. A celebração de receção do círio, trazido para Portugal pela mão de quatro escuteiros sem nunca se apagar, será presidida pelo arcebispo de Évora, D. José Alves.

A ‘Luz da Paz’ é também, há 11 anos, recebida em Albufeira, no âmbito do Acordo de Geminação que a cidade mantém com a sua congénere austríaca de Linz e que representa a aproximação das duas cidades e a solidificação de valores de amizade e solidariedade.

Verifique também

Câmara regozija-se por Concentração de Motos de Faro com 25 mil pessoas e sem incidentes

A 38.ª Concentração Internacional de Motos terminou ontem com o tradicional desfile sem incidentes ou …