Pub

"Faro fica novamente na geografia do futebol nacional com uma posição que é merecida, ao acolher algumas das principais do país, sendo o clube e os adeptos embaixadores permanentes da cidade, dando-lhe força e afirmação", disse hoje à agência Lusa Macário Correia, presidente da Câmara de Faro.

O Farense garantiu no domingo a subida à II Liga de futebol, dez anos depois de ter disputado pela última vez os campeonatos profissionais, ao receber e vencer a União de Leiria, por 2-1, na 30.ª e derradeira jornada da Zona Sul da II divisão.

Perante cerca de 15.000 pessoas, a equipa farense alcançou a segunda subida de divisão consecutiva, depois de ter disputado a III divisão nacional na época 2011/2012.

De acordo com o presidente da Câmara de Faro, a subida "é merecida, porque o clube tem um historial que aponta um lugar acima do que vinha praticando nos campeonatos anteriores", indicando o percurso na I Liga, na Taça UEFA e como finalista da Taça de Portugal.

"Há muito mérito de todos, nomeadamente do presidente que teve uma visão estratégica do clube ao longo do tempo, de forma criteriosa, e que permitiu que a gestão fosse eficaz e tivesse sucesso", sublinhou Macário Correia.

O autarca alertou para a necessidade de preparar "com rigor a próxima época, ajustando a gestão à realidade financeira, com soluções sustentáveis e razoáveis, para que se continuem a viver momentos épicos" no Estádio de São Luís.

Lusa

Pub