Pub

"No que se refere ao número de voos posso adiantar que hoje, e até ao momento, foram cancelados quatro voos da easyJet em Portugal, apenas no aeroporto de Faro", declarou a referida fonte em declarações à Lusa.

De acordo com o porta-voz da empresa, os aviões dispõem de capacidade para transportar 150 pessoas sendo que, "neste momento", não existem dados sobre o número de passageiros portugueses afectados com a decisão.

Uma onda de frio polar e sucessivos nevões têm assolado o Reino Unido, com as temperaturas a atingir os 13 graus negativos em Manchester, no norte de Inglaterra, seis graus negativos em Glasgow, na Escócia e três graus negativos em Londres, segundo o Serviço Meteorológico britânico.

Num comunicado divulgado hoje pela empresa, a easyJet reconhece que, à semelhança do que sucede com outras companhias de navegação, "está a experimentar dificuldades nas operações" devido às condições climatéricas adversas, que originaram "o encerramento de uma série de aeroportos".

Assim, a empresa aconselha os passageiros a consultarem o site da easyJet antes de se deslocarem para os aeroportos para, assim, confirmarem a situação relativamente a cada voo ou para solicitarem o reembolso.

Entretanto, os aeroportos de Southampton, Birmingham, Stansted, Cardiff e Luton reabriram hoje, depois de terem estado encerrados na quarta-feira, como resultado de um intenso nevão.

As condições climatéricas no Reino Unido obrigaram já ao encerramento de cerca de 2.000 escolas, sobretudo na Escócia, País de Gales e sudoeste de Inglaterra, tendo as autoridades alertado as populações para evitarem sair de casa.

A easyJet é uma companhia área de baixo custo com sede em Luton, no Reino Unido, sendo a primeira companhia estrangeira a efectuar voos domésticos em Portugal, em 2008.

Pub